Abrir Empresa

5 dicas para escolher o negócio certo para investir

 

 

 

By  | 17/10/2017

Você sonha em se tornar um empresário, mas tem dificuldades para decidir qual o negócio certo para investir? Está preocupado com dúvidas como: Qual o melhor nicho? Que modelo de negócio é o melhor para o meu perfil? É melhor trabalhar com algo pelo qual tenho paixão ou com o que parece mais lucrativo?

Bem, saiba que não existe “fórmula de bolo” que responda a todas estas e as outras  perguntas que surgirão e nem será possível encontrar uma pessoa que chegue e entregue todas estas respostas, mas há sim critérios de análise que ajudam a facilitar nesta decisão. Alguns deles são:

1. Escolha negócios que te apaixonem

Um dos passos fundamentais é se identificar com o que trabalhará, pois para ter sucesso você precisará se dedicar imensamente ao projeto e se tiver que passar muito tempo focado em uma atividade ou segmento do qual não gosta, perderá o interesse e fracassará rapidamente.

2. Prefira modelos de negócios criativos

Os negócios criativos são interessantes porque ajudam a não cair na rotina e monotonia. Como exigem soluções diferentes e inovadoras, o exercício de pesquisa e de busca por soluções ajudarão a manter sua motivação e interesse em alta.

3. Fique atento aos movimentos do mercado

Como surgem muitas empresas a cada dia, estar atento às mudanças do mercado é fundamental para quem pretende abrir seu próprio negócio. Você precisa estar atento às novas soluções, às necessidades ainda não atendidas e a partir destas dicas que o próprio mercado lhe dará, poderá desenvolver seu próprio negócio de sucesso ou se tornar membro de projetos em ascensão, com alto potencial.

4. Procure bechmarks

Muitas vezes, a solução que pode mudar a sua vida pode estar debaixo dos seus olhos e ser percebida a partir de um exemplo de negócio já em operação, mas praticado em localidades mais distantes, por isto, pesquise players de sucesso no Brasil e em outros países e use estes modelos para inspirar sua nova solução.

VOCÊ VIU?  Gestão de Pessoas - Guia Completo

5. Analise a viabilidade do negócio antes de investir

Quando se torna empresário um dos principais objetivos é lucrar, não é mesmo? Por isso, mais do que criativa e interessante, sua ideia também precisa ser rentável, para garantir a tão esperada lucratividade.

Logo, ao se deparar com um modelo de negócio já existente, analise a viabilidade financeira dele antes de iniciar e caso esteja criando um novo modelo, completamente do zero, aproveite a etapa do planejamento para traçar a prospecção dos lucros que pretende alcançar e assim, estabeleça as metas para conquistar seu tão sonhado sucesso.

Como escolher o nome certo para sua empresa

Antes de abrir uma empresa é preciso definir sua identidade e não há nada que defina melhor a identidade de um negócio do que o seu próprio nome, não é mesmo? Pois bem, selecionar o nome certo que represente verdadeiramente a marca e os objetivos do negócio pode ser uma tarefa muito difícil.

Para cumprir esta missão da melhor forma possível é necessário seguir basicamente pelo menos 3 etapas:

  1. Listar alternativas
  2. Checar a adequação estratégica do nome com os objetivos da empresa
  3. Verificar a disponibilidade da marca nos sistemas de registos de patentes e domínios.

Recomendações para escolha do nome certo

1. Analise o posicionamento da marca

Antes de inventar um nome super criativo ou engraçado, que grude na memória das pessoas, tenha em mente que o mais importante é não apenas ser lembrado, mas ser lembrado pelas razões certas. A marca da empresa precisa estar conectada verdadeiramente com seus propósitos e objetivos. O nome da empresa deve remeter à sua atividade principal e além disso ser criativo o bastante para permitir uma diferenciação dos concorrentes.

2. Simplifique ao máximo

Se ainda assim tiver dúvidas, siga o exemplo das grandes marcas e priorize a escolha de nomes curtos e fáceis de lembrar, como: eBay, Yahoo, Apple, Nike e tantas outras. Fuja de nomes muito longos ou complexos demais.

VOCÊ VIU?  Como abrir um negócio com pouco dinheiro

3. Atenção a  fatores culturais e associações impróprias

Esteja atento para não escolher expressões que não são bem aceitas em regiões próximas de onde pretende instalar sua empresa ou para as quais pretende expandir os negócios dentro de algum tempo. Algumas associações negativas podem arruinar as chances da sua empresa ter sucesso. Um exemplo é o de uma empresa asiática que adotou a sigla KKK, que é acrônima a de uma seita racista, a Ku Klux Klan nos Estados Unidos.

4. Evite modismos

Há alguns clichês que ao invés de ajudar, atrapalham e por isto podem ser evitados. Por exemplo, empresas de telecomunicação, que usam a expressão “Tele…” no nome. Apesar de ajudar a remeter diretamente ao negócio, sua marca ficará semelhante a tantas outras, sem personalidade e criatividade.

5. Atenção à pronúncia

Alguns nomes de marcas conseguem reunir todas as boas características que mencionamos até aqui, no entanto, podem acabar pecando na pronúncia, gerando dúvidas, confusão e constrangimentos em alguns casos. Cuido especialmente se for escolher um nome com  pronúncia em outro idioma.

Checando a disponibilidade da marca

Com todos os cuidados tomados e o nome da empresa devidamente escolhido, chega a hora de cuidar da burocracia. É preciso confirmar se a marca está mesmo disponível no mercado, para garantir sua originalidade e a legalidade do seu uso.

Verifique na Junta Comercial

Comece verificando na Junta Comercial do seu estado, se há alguma empresa registrada com este nome.

Confira junto ao INPI

Também verifique se há registros para sua marca junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi). Caso já tenha sua marca definida, aproveite para checar agora mesmo neste link direto, para pesquisa na base de dados.

Além do registro do nome, junto ao Inpi pode ser incluído também o pedido de registro de logotipos e patentes. Todas as informações e esclarecimentos necessários sobre os tipos de marcas, legislação, acesso ao manual de marcas e muito mais, está disponível aqui.

VOCÊ VIU?  Controle de Estoque - Guia Completo

Verifique os domínios disponíveis na internet

Como hoje o universo digital se tornou uma necessidade e você certamente precisará de um domínio, com o nome escolhido, acesse no registro.br e outros sites de venda e gestão de domínio internacionais como o whois.com. Neles você também poderá comprar seu domínio e caso deseje, domínios similares, para evitar que sejam usados pela concorrência.

Outro passo importante é a escolha da o formato da natureza jurídica da empresa, se será uma MEI, uma sociedade limitada, mista ou outra natureza jurídica. Para não errar na escolha leia como definir a natureza jurídica da empresa .

Saiba como definir a natureza jurídica e comercial da empresa

Receba vagas e artigos no email. É grátis!

Emprega Brasil

Emprega Brasil, site de empregos, trabalho e renda.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *