Conecte-se conosco

Cargos e salários

Médico Clínico – O que faz, Salário, Formação, CBO

Médicos clínicos salário e atribuições CBO 2251

Veja o que faz, quanto ganha um Médico Clínico, onde estão as melhores vagas de emprego para Médico clínico, informações completas do Ministério do Trabalho e Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp com a participação de empresas e profissionais do setor de medicina e Recursos Humanos.

SEJA NOSSO REVENDEDOR E GANHE ATÉ R$ 27 mil MÊS
Chegou ao Brasil o Roteador inteligente que paga entre R$ 0,18 a 2,00 por cada pessoa que acessar sua internet wi-fi (alcance 50 mts), excelente para empresas, condomínios, residências e locais de grande fluxo. Um estabelecimento que recebe em média mil pessoas por dia pode ganhar até R$ 60 Mil mensais só compartilhando a internet. Trabalho a partir de Casa : FAÇA SEU CADASTRO NA WIBOX

A seguir, as informações sobre Médico Clínico:

  • Quanto ganha;
  • Jornada de trabalho;
  • Piso salarial;
  • Salário médio;
  • Maior salário;
  • Salário hora;
  • Código da Profissão;
  • Atribuições / descrição do cargo;
  • Formação e experiência;
  • Condições gerais para exercício do cargo;
  • Descrição das atividades;
  • Recursos para exercício do cargo;
  • Cargos relacionados;
  • Participaram da pesquisa;
  • Instituições.

Quanto ganha um Médico Clínico

  • Jornada de trabalho: 25h
  • Piso salarial: R$5.248,10
  • Salário médio: R$7.391,69
  • Maior salário: R$11.170,55
  • Salário hora: R$58,06
  • Código da Profissão: CBO 2251

Atribuições do cargo de Médico clínico

Realizam consultas e atendimentos médicos; tratam pacientes e clientes; implementam ações de prevenção de doenças e promoção da saúde tanto individuais quanto coletivas; coordenam programas e serviços em saúde, efetuam perícias, auditorias e sindicâncias médicas; elaboram documentos e difundem conhecimentos da área médica.

Formação e experiência do Médico clínico

Essas ocupações são exercidas por profissionais com formação superior em Medicina, credenciados pelo Conselho Regional de Medicina (CRM). O exercício pleno das funções se dá após o período de um a dois anos de experiência profissional e de três a quatro anos para o médico antroposófico. Para o exercício da função no Programa de Estratégia de Saúde da Família não é necessário experiência anterior.

CONDIÇÕES GERAIS PARA O EXERCÍCIO DO CARGO

Os profissionais dessa família ocupacional exercem suas funções em setores cujas atividades referem-se a saúde e serviços sociais, ensino, pesquisa e desenvolvimento. De modo geral atuam por conta própria, na condição de autônomos; sem supervisão permanente. Organizam-se individualmente e em equipe de trabalho, desenvolvendo as atividades em ambientes fechados, em horários de trabalho irregulares. Exceção feita profissionais que atuam no Programa de Estratégia de Saúde da Família, onde exercem suas funções como empregados, com supervisão ocasional e cumprem carga horária semanal prevista em Portaria específica. Podem trabalhar em posições desconfortáveis durante longos períodos e, devido à natureza e nível de responsabilidade próprio da função, podem estar sujeitos a estresse constante. Em algumas ocupações os profissionais podem estar sujeitos a ação de materiais tóxicos, químicos, radioativos e biológicos.

Código internacional CIUO88
2221 – Médicos

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES

REALIZAR CONSULTA E ATENDIMENTO MÉDICO

1 – Realizar anamnese;
2 – Realizar exame físico;
3 – Levantar hipóteses diagnósticas;
4 – Realizar propedêutica instrumental;
5 – Solicitar exames complementares;
6 – Solicitar inter consultas;
7 – Realizar exames complementares;
8 – Supervisionar propedêutica instrumental;
9 – Interpretar dados de exame clínico e exames complementares;
10 – Diagnosticar estado de saúde de pacientes e clientes;
11 – Realizar diagnóstico de saúde da comunidade;
12 – Discutir diagnóstico, prognóstico e tratamento com pacientes, clientes, responsáveis e familiares;
13 – Realizar atendimento em consultório;
14 – Realizar visitas hospitalares;
15 – Realizar atendimentos de urgência e emergência;
16 – Realizar visitas domiciliares;
17 – Encaminhar usuários a outros profissionais;
18 – Avaliar momento biográfico;

Leia  Engenheiro de Produção - O que faz, Salário, Formação, CBO

TRATAR PACIENTES E CLIENTES

1 – Planejar tratamento de clientes e pacientes;
2 – Indicar tratamento;
3 – Receitar drogas, medicamentos , fitoterápicos e antropomórficos;
4 – Praticar intervenções clínicas;
5 – Praticar procedimentos intervencionais;
6 – Estabelecer prognóstico;
7 – Executar tratamento com agentes químicos;
8 – Executar tratamento com agentes físicos;
9 – Executar tratamento com agentes biológicos;
10 – Praticar psicoterapia;
11 – Executar terapêutica genética;
12 – Assistir parto;
13 – Retirar órgãos e tecidos;
14 – Implantar órteses e próteses;
15 – Executar transplantes de órgãos e tecidos;
16 – Guardar órgãos e tecidos;
17 – Cultivar órgãos e tecidos;
18 – Monitorar estado de saúde de pacientes hospitalizados;
19 – Reabilitar pacientes e clientes (condições biopsicossociais);
20 – Prescrever tratamento;
21 – Indicar necessidade de internação;
22 – Acompanhar plano terapêutico do usuário;
23 – Indicar terapias não medicamentosas;
24 – Estimular paciente no desenvolvimento da autonomia e autocuidado;
25 – Redefinir a doença para o paciente individualizando seu significado;

IMPLEMENTAR AÇÕES DE PROMOÇÃO DA SAÚDE

1 – Estabelecer plano de ações em saúde;
2 – Prescrever medidas higiênico-dietéticas;
3 – Ministrar tratamentos preventivos;
4 – Rastrear doenças prevalentes;
5 – Implementar medidas de biossegurança;
6 – Implementar medidas de segurança e proteção do trabalhador;
7 – Implementar medidas de saúde ambiental;
8 – Promover campanhas de saúde;
9 – Promover atividades educativas;
10 – Promover ações de controle de vetores e zoonoses;
11 – Divulgar informações em mídia;
12 – Prescrever imunização;
13 – Acompanhar desenvolvimento cognitivo/emocional do educando/educador;

ELABORAR DOCUMENTOS MÉDICOS

1 – Elaborar prontuários;
2 – Emitir receitas;
3 – Emitir atestados;
4 – Elaborar protocolos de condutas médicas;
5 – Emitir laudos;
6 – Elaborar relatórios;
7 – Emitir pareceres;
8 – Elaborar documentos de imagem;
9 – Emitir declarações;
10 – Elaborar procedimentos operacionais padrão;
11 – Preencher formulários de notificação compulsória;
12 – Elaborar material informativo e normativo;
13 – Arquivar documentos;

EFETUAR PERÍCIAS, AUDITORIAS E SINDICÂNCIAS MÉDICAS

1 – Examinar documentos médicos;
2 – Vistoriar ambientes de trabalho;
3 – Vistoriar equipamentos e instalações;
4 – Efetuar necropsias;
5 – Formular quesitos periciais;
6 – Responder quesitos periciais;
7 – Prestar depoimentos;
8 – Colher depoimentos;

COORDENAR PROGRAMAS E SERVIÇOS EM SAÚDE

1 – Selecionar equipe de trabalho;
2 – Distribuir tarefas;
3 – Gerenciar recursos financeiros;
4 – Especificar insumos;
5 – Montar escala de serviços;
6 – Supervisionar equipe de saúde;
7 – Auxiliar normatização de atividades médicas;
8 – Administrar situações de urgência e emergência;
9 – Selecionar pacientes em situações específicas;
10 – Constituir comissões médico-hospitalares;
11 – Participar de diretorias de associações, entidades de classe e conselhos de saúde;
12 – Despachar expediente;

DIFUNDIR CONHECIMENTOS MÉDICOS

1 – Preparar material didático;
2 – Ministrar aulas;
3 – Demonstrar ações médicas;
4 – Descrever ações médicas;
5 – Supervisionar atos médicos;
6 – Avaliar atos médicos;
7 – Avaliar conhecimento de especialistas;
8 – Fiscalizar treinamento médico;
9 – Preparar projetos de pesquisa;
10 – Desenvolver pesquisas em medicina;
11 – Desenvolver procedimentos;
12 – Desenvolver equipamentos;
13 – Redigir trabalhos científicos;
14 – Organizar encontros científicos;
15 – Organizar cursos de educação continuada;
16 – Participar de encontros, congressos e demais eventos científicos;
17 – Prestar consultorias e assessorias;

Leia  Tabela Salarial, Piso Salarial, Salário Mínimo - Parte 3

PROMOVER A SAÚDE DA FAMÍLIA

1 – Definir território de atuação;
2 – Mapear área de atuação;
3 – Identificar grupos, famílias e indivíduos expostos a riscos;
4 – Organizar grupos de promoção à saúde;
5 – Atualizar informações cadastrais;
6 – Atender usuários nas ubss, nos domicílios ou espaços comunitários;
7 – Realizar ações de prevenção de agravos e curativas;
8 – Realizar busca ativa de situações locais;
9 – Notificar doenças, agravos e situações de importância local;
10 – Identificar necessidades dos usuários;
11 – Responsabilizar-se por todos os atendimentos da população adscrita;
12 – Coordenar o cuidado dos usuários;
13 – Promover a integralidade do cuidado;
14 – Participar das atividades de planejamento;
15 – Participar das avaliações da equipe;
16 – Incentivar a participação da comunidade;
17 – Identificar parceiros e recursos disponíveis na comunidade;
18 – Registrar as atividades nos sistemas de informação;
19 – Participar das atividades de educação permanente;
20 – Definir ações de acordo com prioridades locais;
21 – Participar do gerenciamento de insumos;

DEMONSTRAR COMPETÊNCIAS PESSOAIS

1 – Demonstrar capacidade de atenção seletiva;
2 – Demonstrar rapidez de percepção;
3 – Demonstrar tolerância;
4 – Demonstrar altruísmo;
5 – Demonstrar capacidade de lidar com situações adversas;
6 – Demonstrar capacidade de trabalhar em equipe;
7 – Demonstrar empatia;
8 – Demonstrar capacidade de interpretar linguagem verbal e não-verbal;
9 – Demonstrar capacidade de liderança;
10 – Demonstrar capacidade de tomar decisões;
11 – Demonstrar imparcialidade de julgamento;
12 – Demonstrar capacidade de adequar linguagem;
13 – Demonstrar capacidade de preservar sigilo médico;
14 – Demonstrar capacidade de saber ouvir;
15 – Demonstrar capacidade de efetuar atendimento humanizado;
16 – Demonstrar capacidade de acolhimento;

RECURSOS PARA EXERCÍCIO DO CARGO

  1. Lupa com iluminação;
  2. Vade mecum de medicamentos antropofóbicos;
  3. Equipamentos Para Videocirurgia;
  4. Esfigmomanômetro;
  5. Estetoscópio;
  6. Fita Métrica;
  7. Instrumental Cirúrgico;
  8. Laringoscópio;
  9. Lâmpada De Fenda;
  10. Material Para Entubação Orotraquial;
  11. Microscópio;
  12. Negatoscópio;
  13. Oftalmoscópio;
  14. Otoscópio;
  15. Radiofármacos;
  16. Refrator;
  17. Repertório Homeopático;
  18. Respiradores;
  19. Roppel Mini P/ Observ De Batimentos Cardiofetais;
  20. Softwares Médicos;
  21. Termômetro;
  22. Órteses E Próteses;
  23. Aparelhos De Laser;
  24. Bvm (bolsa, Válvula E Mascara) Ventilação;
  25. Desfibrilador Externo Automático;
  26. Drogas E Medicamentos;
  27. Eletrocardiógrafo;
  28. Equipamentos De Medicina Nuclear;
  29. Equipamentos De Megavoltagem;
  30. Equipamentos De Monitoração;
  31. Equipamentos De Radioterapia;
  32. Equipamentos Para Pulsões E Biópsias;
  33. Agulhas De Acupuntura;
  34. Colposcópio;
  35. Equipamentos P/ Abordagem Das Vias Aéreas Superior;
  36. Equipamentos Para Diérese E Síntese;
  37. Equipamentos Para Exames De Diagnóstico Por Imagem;
  38. Equipamentos Para Exames Eletrofisiológicos;

CARGOS RELACIONADOS

1 – Médico infectologista – Infectologista, Médico de doenças infecciosas e parasitárias;
2 – Médico acupunturista;
3 – Médico legista – Legista;
4 – Médico nefrologista – Nefrologista;
5 – Médico alergista e imunologista – Alergista, Alergista e imunologista, Alergologista, Médico alergista, Médico imunologista;
6 – Médico neurologista – Médico neuropediatra, Neurologista, Neuropediatra;
7 – Médico angiologista – Angiologista;
8 – Médico nutrologista – Médico nutrólogo, Nutrologista;
9 – Médico cardiologista – Cardiologista, Médico do coração;
10 – Médico oncologista clínico – Cancerologista clínico, Médico cancerologista (clínico), Oncologista (clínico);
11 – Médico cancerologista pediátrico;
12 – Médico pediatra – Hebeatra, Médico de criança, Neonatologista, Pediatra;
13 – Médico clínico – Clínico geral, Médico clínico geral, Médico especialista em clínica médica, Médico especialista em medicina interna, Médico internista;
14 – Médico pneumologista – Médico pneumotisiologista, Pneumologista, Pneumotisiologista, Tisiologista;
15 – Médico de família e comunidade – Médico comunitário, Médico de família;
16 – Médico psiquiatra – Médico psicanalista, Médico psicoterapeuta, Neuropsiquiatra, Psiquiatra;
17 – Médico dermatologista – Dermatologista, Hansenólogo;
18 – Médico reumatologista – Reumatologista;
19 – Médico sanitarista – Epidemiologista, Médico de saúde pública, Médico epidemiologista, Médico higienista;
20 – Médico do trabalho;
21 – Médico da estratégia de saúde da família;
22 – Médico em medicina de tráfego – Médico do tráfego;
23 – Médico anatomopatologista;
24 – Médico em medicina intensiva – Ceteísta, Intensivista;
25 – Médico anestesiologista – Anestesiologista, Anestesista, Médico anestesista;
26 – Médico antroposófico;
27 – Médico endocrinologista e metabologista – Diabetólogo, Endocrinologista, Metabolista, Metabologista, Médico endocrinologista, Médico metabolista;
28 – Médico fisiatra – Fisiatra;
29 – Médico gastroenterologista – Gastroenterologista;
30 – Médico generalista – Médico alopata, Médico em medicina interna, Médico militar;
31 – Médico geneticista;
32 – Médico geriatra – Geriatra, Gerontologista, Gerontólogo;
33 – Médico hematologista – Hematologista;
34 – Médico homeopata;

Leia  Nutricionista - O que faz, Salário, Formação, CBO

PARTICIPARAM DA PESQUISA


Ana Maria V. B. Ferreira;
Antônio José Daniel Xavier;
Benedicto Oscar Colli;
Carlos Alberto Ribeiro;
Carlos Eduardo Sampaio Fonseca;
Charles Simão Filho;
Cláudio M. M. Cerqueira;
Demercindo Brandão Neto;
Débora Magnólia Nogueira Miranda;
Eduardo Nakamura;
Eliana Motta Castanheira;
Heidwaldo Antônio Seleghini;
Heli T. De Paula Freitas;
Juraci Rosa De Oliveira;
Marcos Curi De Castro;
Miguel Alves Da Silva;
Mário Lavorato Da Rocha;
Oliveiros Guanais De Aguiar;
Oromar Moreira Filho;
Paulo Roberto B. Meirelles;
Paulo Sérgio De Miranda Tavares;
Ronaldo Vianna Salles;
Samir Faiçal
Sandra C. Cunha ;Melo;
Tiago Sousa Neiva;
Télcia V. Barros Magalhães;
Virgínia Barbeitos Cruz;
Ângela Gabriela Naves Givisiez;

INSTITUIÇÕES

Academia Nacional De Medicina Do Trabalho (Acada);
Agência Nacional De Vigilância Sanitária;
Associação Brasileira De Medicina Antroposófica – Abma;
Autônoma;
Autônomo;
Clínica Romeu Ibrahim De Carvalho;
Colégio Brasileiro De Cirurgiões;
Hospital Das Clínicas Da Faculdade De Medicina Da Usp (hc-fmusp);
Hospital Santa Casa;
Instituto De Documentação Ortodôntica E Radiodiagnóstico S/c Ltda. (Indor);
Patologia Clínica São Marcos;
Poiesis Ética E Psicanálise;
Prefeitura Municipal De Divinópolis;
Secretaria De Saúde;
Serviço De Medicina Especializada;
Sindicato Dos Médicos Do Estado De Minas Gerais;
Sociedade Beneficente Hospital Sírio-libanês;
Sociedade Brasileira De Cirurgia Plástica;
Sociedade Brasileira De Clínica Médica – Região De Mg;
Sociedade De Radiologia De Minas Gerais;
Ufmg – Universidade Federal De Minas Gerais;

Instituição Conveniada Responsável

Ministério Do Trabalho E Emprego – Mte

Fonte: Ministério do Trabalho

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda Wibox

Posts Recentes

Ganhar dinheiro com Blog Ganhar dinheiro com Blog
Dinheiro6 meses ago

Como ganhar dinheiro com blog

Nos dias de hoje, ganhar dinheiro com blog, trabalhando unicamente no conforto de sua residência pode se tornar uma realidade....

Dinheiro Extra Dinheiro Extra
Dinheiro6 meses ago

Dinheiro Extra

Na hora de organizar as finanças, sabemos que qualquer adicional no final do mês já é capaz de fazer uma...

Dinheiro6 meses ago

Finanças Pessoais

Finanças pessoais para muitos, tornou-se sinônimo de pesadelo. A boa notícia é que não há nenhum segredo oculto para administrar essa...

Crédito Pessoal Crédito Pessoal
Dinheiro6 meses ago

Crédito Pessoal

O crédito pessoal nada mais é do que um empréstimo realizado para pessoas físicas. Diversas empresas e instituições bancárias oferecem...

Dinheiro6 meses ago

Empréstimo Pessoal Online

O surgimento de muitas empresas de crédito propiciaram vantagens ao trabalhador endividado. Uma delas é o empréstimo pessoal, que o...

Gerenciador Financeiro Gerenciador Financeiro
Dinheiro6 meses ago

Gerenciador Financeiro

Controlar com cuidado o próprio dinheiro é a melhor forma de saber onde os gastos estão indo, como melhorar e...

Dinheiro6 meses ago

Simulador de Financiamento

Simular um financiamento é a melhor forma de saber o quanto você terá que pagar em cada parcela, estabelecer a...

Empréstimo Pessoal Empréstimo Pessoal
Dinheiro6 meses ago

Empréstimo Pessoal

O empréstimo pessoal sempre é uma solução buscada em momentos de grande sufoco e apesar de ser uma alternativa muito...

Dinheiro6 meses ago

Como Juntar Dinheiro

Muitas vezes nossos sonhos demandam de certa quantia de dinheiro para serem realizados. No entanto, juntar esse valor parece ser...

O que fazer para Ganhar Dinheiro O que fazer para Ganhar Dinheiro
Dinheiro6 meses ago

O que fazer para Ganhar Dinheiro

Nem sempre a renda fixa do trabalho é o suficiente para alcançar objetivos financeiros. Por isso, muitas pessoas buscam uma...

Propaganda Wibox

Tendências