Connect with us

Saiba como montar uma fábrica de fraldas descartáveis lucrativa gastando pouco e sem cometer erros, ganhe muito dinheiro fazendo fraldas. Aprenda tudo: investimento, localização, equipamentos, fornecedores, mercado, concorrência, riscos, legislação, mão de obra especializada, captação de cliente, financiamento, atendimento e muito mais…

Fraldas descartáveis

FICHA TÉCNICA
Setor da Economia: Secundário
Ramo de Atividade: Indústria
Tipo de Negócio: Fábrica de Fraldas Descartáveis
Produtos Ofertados/Produzidos: Fraldas descartáveis

Apresentação

A fralda descartável revolucionou o mercado de produtos infantis, criada pelo engenheiro Vic Mills, em uma das vezes em que cuidava de seus netinhos acreditou que deveria haver uma maneira melhor de proteger a pele das crianças. Esse foi o início da fralda descartável.
Desde então o produto vem sendo aprimorado, visando sempre a saúde do bebê. Isto para que ele simplesmente se esqueça que está de fraldas e durma melhor, brinque melhor, enfim, se desenvolva de uma maneira mais saudável.

Mercado

O mercado de fraldas descartáveis é praticamente dominado por empresas de capital estrangeiro, devido a isto a concorrência do setor é grande. As marcas mais famosas contam com tecnologia avançada na produção industrial, o que representa alto investimento. Em conseqüência, o preço final se torna alto para um produto tão necessário.
Como o preço de compra é um dos fatores decisivos para a escolha, criou-se um novo segmento para esse mesmo produto, em que a qualidade e o baixo preço se sobrepõem à marca.

Estrutura

Dada a dimensão do empreendimento e o tamanho dos equipamentos, não é necessário uma área física maior que 30 m². Nesta área pode funcionar, tanto a produção quanto o escritório.

Equipamentos básicos

– Máquina de fazer fraldas descartáveis e absorventes;
– Máquina seladora de embalagem;
– Mesas com cadeiras;
– Bancadas de trabalho em fórmica;
– Prateleiras para estoque e matéria-prima;
– Balcão de atendimento para vendas;
– Móveis e utensílios para o escritório (computadores, fax, telefone, etc..).
O empreendedor deve também considerar a possibilidade de investimento na aquisição de um veículo utilitário para entregas..

Investimento

A fábrica de fraldas descartáveis pode ser montada com um investimento relativamente baixo, que compreende a compra da matéria-prima e do equipamento necessário para a confecção do produto, este investimento gira em torno de R$ 40 mil.

Pessoal

O número de funcionários irá variar de acordo com a estrutura do empreendimento, porém, para iniciar o empreendimento deve-se contar com três funcionários.

Consumidor

Apesar de ser o bebê o usuário final do produto, a mãe é quem detém o poder de decisão da compra. Ela deseja para seu filho um produto de qualidade e ao mesmo tempo prático.

Comercialização

O empreendedor deve produzir amostras do produto e distribuir às mães com crianças que usam fraldas, a fim de testar e avaliar o material. Através deste teste, o empreendedor poderá obter respostas sobre a qualidade da matéria-prima utilizada, anatomia do modelo com relação ao tamanho do bebê, aderência e absorção. Distribuindo amostras às futuras clientes e avaliando constantemente o produto, o empreendedor ganhará confiança da clientela e conseguirá consumidores permanentes.

Matéria prima

– Manta de Polietileno. Parte externa da fralda;
– Manta Filtrante. Absorve toda a umidade e deve Ter cuidado com a armazenagem;
– Adesivo Hot-Melt. Usado sempre derretido e em saches ou em barras que deverão ser cortadas em tamanho pequenos, é o que irá segurar os elásticos;
– Algodão Hidrófilo. Dá estrutura a fralda;
– Polpa de Celulose. Usada erroneamente poderá rachar ou embolar na hora do uso;
– Floc-Gel. Substância absorvente que incha em contato com a urina;
– Papel Tissue. Envolve todo o recheio da fralda (algodão, polpa, floc-gel);
– Manta. É composta de todos os materiais acima (algodão, polpa, gel, e papel tissue) já nas quantidades certas o que evita desperdício de tempo e de material;
– Elástico. Os tipos mais usados são fio de lycra ou revestidos de borracha e tem função de evitar o vazamento;
– Fita Reposicional. Colocada lateralmente nas fraldas e são reguladas na cintura do bebê. Pode ser simples nas laterais e decorativas na frente;
– Colônia. Para dar cheiro a fralda. Deve ser utilizado um spray para facilitar a aplicação e assim padronizar a quantidade utilizada;

OBS. Como existem diversos fabricantes de máquinas e matéria-prima, recomenda-se uma pesquisa de preços e condições de pagamento. Com isso o proprietário poderá reduzir ao máximo os custos na aquisição do material. Geralmente, tais mercadorias são cotadas pelo dólar do dia, e os pagamentos feitos à vista. Os próprios fornecedores de máquinas poderão fornecer as matérias-primas, também, além dos equipamentos necessários.

Processo de fabricação

Existem dois tipos de processos para a fabricação das fraldas descartáveis, que são:

Processo Manual

Neste processo, o funcionário que irá determinar o tempo de trabalho. Este processo segue as seguintes etapas:

1º Etapa. Sobre a manta plástica, que irá passar sobre rolos e sair com cola adesiva (Hot-Melt), serão colados os elásticos. São três linhas de elásticos;
2º Etapa. Será colocado a manta de celulose, manualmente, sobre a manta de plástico. Em seguida puxar as duas mantas de plástico e filtrante envolvendo a manta de celulose;
3º Etapa. É feita a medição do tamanho da fralda que está sendo produzida (P,M,G, EG);
4º Etapa. Cortar as medidas estabelecidas pelo molde;
5º Etapa. Colocar as fitas adesivas decorativas e as laterais que irão ser ajustadas à cintura do bebê;
6º Etapa. Pulverizar com a ajuda de um spray a colônia para dar cheiro a fralda;
7º Etapa. Dobrá-la e embalar;

Processo Semi-Automático

O processo semi-automático não difere muito do manual e, também, não dispensa o operador.
Etapas. O processo é praticamente o mesmo do manual. A vantagem desse processo é o equipamento, pois ele realiza a junção das mantas de plástico e de filtrante, cabendo ao operário somente colocar a manta de celulose sobre a manta de plástico. Porém, o restante do processo é o mesmo do manual: cortar as fraldas de acordo com os tamanhos, colocar as fitas adesivas, dobrar e embalar.

Cuidados que devem ser tomados durante a fabricação

  • Ambiente de Trabalho. O local de trabalho deve ser bem limpo e se possível, esterilizar com álcool todos os equipamentos utilizados, além de se trocar a toca e os outros vestuários regularmente. Deverá ser colocado um ventilador e não permitir que ninguém fume no local de trabalho pois as matérias-primas são muito sensíveis ao odor de fumaça que se empregna facilmente no algodão e no filtrante.
  • Matéria Prima. As matérias primas devem ser aproveitadas sem desperdício e ser conservada de maneira adequada para preservar suas características
  • Esterilização. Um processo importante que é feito, indiferente do tipo de processo escolhido, é a esterilização das fraldas em estufas de ar.

Exigências para faabricar a peça

Como a fralda é uma peça íntima, que permanece em contato direto com a pele delicada da criança, qualquer deslize na fabricação pode ser fatal aos fabricantes.

Controle de Qualidade – Para não naufragar, após a compra de uma máquina, é melhor entrar no ramo como manda o figurino, ou seja, manter um rigoroso controle de qualidade. Pode parecer exagero, mas ter um laboratório de controle de qualidade é um dos quesitos exigidos pela portaria nº 1480 do Ministério da Saúde para essa atividade.

Embalagem do Produto – É norma também manter um técnico responsável – químico ou farmacêutico – , cujo nome deve constar na embalagem do produto, bem como a expressão “dispensado de registro no Ministério da Saúde”. Esta cláusula tem levado a falsas interpretações. Isenção não quer dizer que o controle sanitário deixe de bater à porta dos fabricantes, para verificar instalações e condições das matérias-primas, que devem ser testadas.

Diversificação

Além das fraldas descartáveis para criança, a empresa pode diversificar seus produtos fabricando fraldões (fraldas para adultos que sofrem de incontinência urinária), e ainda o de absorventes higiênicos.

Referências:
Sebrae – Serviços de Apoio as Micros e Pequenas Empresas, IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, DIEESE – Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas – São Paulo, Datafolha – Instituto de Pesquisas Grupo Folha, IBOPE – Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística, Wikipédia, Jornal Estadão, Jornal Folha de S.Paulo, Jornal O Globo, Revista Exame, Revista Veja, MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, MCTI – Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, MDA – Ministério do Desenvolvimento Agrário, MDIC – Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, MMA – Ministério do Meio Ambiente, MME – Ministério de Minas e Energia, MTE – Ministério do Trabalho e Emprego.Copyright © Emprega Brasil – É proibido a reprodução, total ou parcial, do conteúdo sem prévia autorização.
Continue Reading
Click to comment

0 Comments

  1. helton

    7 de novembro de 2016 at 12:32

    ola a todos
    como ou onde consigo encontrar todo o material pra fazer fraldas. ja tenho a maquina para a fabricação? sou de viçosa-MG

  2. joao modesto de barros

    11 de janeiro de 2017 at 12:26

    Ola bom dia,tenho vontade de empreender no ramo de fabricação de fraldas ,mas não tenho nenhum conhecimento de como fabricar e como vender,
    tenho um espaço de 65 M2 para para ser usado e tenho um pequeno valor de 25000,00 para investir.
    Eu tinha um pequeno negocio de comercialização de roupas.onde eu comprava
    roupas e distribui para 30 sacole.
    Como posso me informas sobre fabricação de fraldas e se este negocio é viável ?? Obrigado joão

  3. Eloina Bairros

    18 de fevereiro de 2017 at 13:24

    preciso comprar mantas adesvos decorados fita picotada elastico para montar as fraldas onde comprar

  4. Elisangela Azevedo Pereira

    25 de março de 2018 at 19:56

    Olá.meu nome é Elisangela, sou do Tocantins. Minha dificuldade é a mesma de todos acima. Comprar matéria prima para a fabricação das fraldas descartáveis. Não tem opção de distribuidora dessa matéria prima,nem como saber onde comprar com qualidade e bom preço. Se puder me retornar com a resposta, serei muiiiiito grata. Obrigado

  5. Vanda Oliveira Pires

    10 de novembro de 2018 at 13:54

    Eu quero muito comprar uma máquina para fabricar fraldas mas nem sei por onde começar. Alguém para me dar umas dicas? Fico muito agradecida.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending