Conecte-se conosco

Ideias de negócios

Como montar serviço de Alimentos Congelados – Passo a Passo

Saiba como montar um serviço de Alimentos Congelados lucrativo gastando pouco e sem cometer erros. Ganhe muito dinheiro congelando comida, aprenda tudo, investimento, localização, equipamentos, fornecedores, mercado, concorrência, riscos, legislação, mão de obra especializada, captação de cliente, financiamento,  atendimento e muito mais…

COMECE A GANHAR DINHEIRO SEM SAIR DE CASA COM UMA TÉCNICA QUE POUCOS CONHECEM...
15 dias e um celular é tudo que você precisa para começar a vender agora e se tornar dono do seu próprio negócio. ACESSE: WIBOX

FICHA TÉCNICA
Setor da economia: Terciário
Ramo de atividade: Comércio
Tipo de negócio: Alimentos Congelados

Alimentos congelados

Congelamento é um processo de conservação e não de melhoria de matéria-prima. É considerado o melhor método de preservação dos mais variados produtos, mesmo daqueles tidos como perecíveis.

Mercado

A participação crescente das mulheres no mercado de trabalho e a escassez de mão-de-obra para as atividades domésticas são as grandes impulsionadoras do mercado de congelados, que permitem melhor aproveitamento do pouco tempo que resta no convívio familiar. Os produtos congelados começam a ser consumidos por grande parte da população brasileira.

Localização

O empreendedor deve dar preferência a áreas residenciais ou mesmo áreas próximas a escritórios, pois, geralmente, o consumidor adquire estes produtos “a caminho” de sua casa.

Estrutura

A estrutura básica deve contar com uma área destinada para a cozinha, onde será feito o preparo dos alimentos, e também uma área destinada ao congelamento destes.

Equipamentos

Existem no mercado atualmente vários tipos de equipamentos que são utilizados para o congelamento, sendo que estes irão variar de acordo com o método de congelamento a ser adotado, podendo ser estes os equipamentos:

  • Equipamentos de congelamento a base de Nitrogênio (tem um alto custo);
  • Equipamentos de congelamento a base de Criogênio (mais acessíveis);
  • Freezer’s (são mais baratos e os mais utilizados);
  • Utensílios de cozinha, etc..

Mão de obra

No início das atividades pode-se optar por trabalhar somente com o auxílio de uma boa cozinheira que garanta a qualidade dos pratos comercializados.

O empreendedor se encarregaria da parte administrativa, das compras e vendas. Posteriormente, com o crescimento do negócio, o quadro deverá ser aumentado com motorista, vendedores, auxiliares de cozinha, etc..

Leia  Como montar empresa de produtos derivados de pescados

Clientes

Os principais clientes desse tipo de produto são as mulheres que trabalham fora, e que não têm empregadas domésticas, os homens que moram sozinhos e que preferem comer em casa, e pessoas interessadas em uma alimentação balanceada por conta de dietas.

Fornecedores

Os fornecedores desse tipo de empreendimento são os mercados municipais, sacolões e feiras livres, atacadistas e grandes supermercados. A qualidade dos produtos oferecidos pelos fornecedores deve ser rigorosamente controlada, a fim de se evitar problemas com os clientes.

Matéria prima

Geralmente, os empresário não se preocupam em conhecer a origem das matérias-primas, o que pode resultar em problemas futuros. Inocentes condimentos, como a pimenta-preta, costumam estar altamente contaminados porque, na maioria das vezes, são produzidos em regiões subdesenvolvidas e desidratados em terreiros por onde passam animais. Alguns fornecedores esterilizam os condimentos com radiação ou óxido de etileno, que matam os microrganismos, mas esses não são a maioria. Um controle de qualidade sofisticado em cima dos fornecedores de matérias-primas também pode evitar dissabores.

Formas de congelamento

  • A base de nitrogênio – dá aos congelados a aparência mais próxima possível do natural, porém, apresenta um alto custo devido a sua tecnologia ser sofisticada;
  • A base de criogênicos – consiste no congelamento em temperaturas bem baixas;
  • Freezers – mantem a temperatura estável para não congelar o produto.

A tecnologia do congelamento

Controlada a origem da matéria-prima e a manipulação dos alimentos, o passo seguinte é pensar na tecnologia para o congelamento dos pratos, ou seja, qual a forma de congelamento que será utilizada. Segundo especialistas, a melhor tecnologia é a do choque térmico, que consiste basicamente numa queda de temperatura dos 80ºC – oitenta graus positivos – (a temperatura do prato pronto, saindo do fogão ou forno), para os -12ºC (doze graus negativos) , sendo que este procedimento, deve ter uma duração máxima de 3 Horas. Isso evita não só o desenvolvimento de microrganismos, como também a formação de cristais de gelo, que podem alterar a textura e o sabor dos alimentos.

Leia  Como montar uma indústria de confecção

Diversificando os produtos

Atualmente, a diversificação dos produtos oferecidos cobrem os mais variados gostos e necessidades. O consumidor pode encontrar congelados com pratos de cozinhas de todas as origens, de chineses a indianos, de japoneses a alemães e os tradicionais portugueses, italianos e franceses. Outra variedade no cardápio, são para pessoas que estão sob recomendações médicas para emagrecer, reduzir o sal, controlar o colesterol, e que necessitam de alimentos dietéticos, ou de baixas calorias. Mesmo as crianças, já começam a ter sua comida congelada com cardápio específico, e este é um bom filão a ser explorado.

Lembretes importantes

Alguns fatores que devem ser levados em consideração por parte do empreendedor:

  • A qualidade dos pratos prontos congelados depende diretamente da qualidade da matéria-prima e da manipulação dos alimentos em condições que não permitam o desenvolvimento de microrganismos nocivos à saúde humana;
  • Manusear o mínimo possível os alimentos (carnes , massas, verduras, etc.) e manter o ambiente de processamento refrigerado ou pelo menos a matéria-prima em temperatura baixa são cuidados que garantem baixo nível de contaminação aos alimentos prontos;
  • Para quem está começando o negócio, não deve dispensar a orientação de um nutricionista, saber cozinhar, conhecer técnicas de congelamento além de realizar uma pesquisa de mercado, para dimensionar o público-alvo e definir seu perfil;
  • Para conquistar o mercado, a empresa deve oferecer produtos com qualidade e preços competitivos, aliados, porém, a um bom sistema de vendas, controle financeiro, de estoques e divulgação;
  • É importante que o proprietário ou a pessoa encarregada de vendas, instrua o cliente quanto ao modo correto de descongelamento dos pratos, já que quando o descongelamento é feito de modo errado, prejudica a qualidade dos alimentos, dando, a impressão de que os produtos não eram de qualidade.

Legislação Específica

Torna-se necessário tomar algumas providências, para a abertura do empreendimento, tais como:
– Registro na Junta Comercial;
– Registro na Secretária da Receita Federal;
– Registro na Secretária da Fazenda;
– Registro na Prefeitura do Município;
– Registro no INSS;(Somente quando não tem o CNPJ – Pessoa autônoma – Receita Federal)
– Registro no Sindicato Patronal;

Leia  Como montar indústria de artefatos de alumínio

O novo empresário deve procurar a prefeitura da cidade onde pretende montar seu empreendimento para obter informações quanto às instalações físicas da empresa (com relação a localização),e também o alvará de funcionamento.

Além disso, deve consultar o PROCON para adequar seus produtos às especificações do Código de Defesa do Consumidor (Lei nº 8.078 de 11.09.1990).
Algumas legislações que o futuro empreendedor deve ter conhecimento.

– Lei nº 6.437/77 – Configura infrações à legislação sanitária federal, estabelece as sanções respectivas, e dá outras providências.
– Decreto lei nº 986/69 – Institui Normas Básicas sobre Alimentos.
– Portaria nº 326/SUS/MS/97 – Aprova o Regulamento Técnico; “Condições Higiênicos-Sanitárias e de Boas Práticas de Fabricação para Estabelecimentos Produtores/Industrializadores de Alimentos”.

Para maiores informações consultar o site da ANVISA.

Entidades

 

Referências:
Sebrae – Serviços de Apoio as Micros e Pequenas Empresas, IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, DIEESE – Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas – São Paulo, Datafolha – Instituto de Pesquisas Grupo Folha, IBOPE – Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística, Wikipédia, Jornal Estadão, Jornal Folha de S.Paulo, Jornal O Globo, Revista Exame, Revista Veja, MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, MCTI – Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, MDA – Ministério do Desenvolvimento Agrário, MDIC – Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, MMA – Ministério do Meio Ambiente, MME – Ministério de Minas e Energia, MTE – Ministério do Trabalho e Emprego.Copyright © Emprega Brasil – É proibido a reprodução, total ou parcial, do conteúdo sem prévia autorização.

Copyright © Emprega Brasil – É proibido a reprodução, total ou parcial, do conteúdo sem prévia autorização.

Continue lendo
Clique para comentar

0 Comments

  1. Lucas Guilherme de Araujo Braga

    25 de novembro de 2016 a 14:27

    Tenho uma duvida: Eu devo fazer meu estoque inicial, armazenar e só produzir novamente a medida que o estoque for baixando ou, faço a comida a partir dos pedidos que são feitos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda Wibox

Posts Recentes

Ganhar dinheiro com Blog Ganhar dinheiro com Blog
Dinheiro7 meses ago

Como ganhar dinheiro com blog

Nos dias de hoje, ganhar dinheiro com blog, trabalhando unicamente no conforto de sua residência pode se tornar uma realidade....

Dinheiro Extra Dinheiro Extra
Dinheiro7 meses ago

Dinheiro Extra

Na hora de organizar as finanças, sabemos que qualquer adicional no final do mês já é capaz de fazer uma...

Dinheiro7 meses ago

Finanças Pessoais

Finanças pessoais para muitos, tornou-se sinônimo de pesadelo. A boa notícia é que não há nenhum segredo oculto para administrar essa...

Crédito Pessoal Crédito Pessoal
Dinheiro7 meses ago

Crédito Pessoal

O crédito pessoal nada mais é do que um empréstimo realizado para pessoas físicas. Diversas empresas e instituições bancárias oferecem...

Dinheiro7 meses ago

Empréstimo Pessoal Online

O surgimento de muitas empresas de crédito propiciaram vantagens ao trabalhador endividado. Uma delas é o empréstimo pessoal, que o...

Gerenciador Financeiro Gerenciador Financeiro
Dinheiro7 meses ago

Gerenciador Financeiro

Controlar com cuidado o próprio dinheiro é a melhor forma de saber onde os gastos estão indo, como melhorar e...

Dinheiro7 meses ago

Simulador de Financiamento

Simular um financiamento é a melhor forma de saber o quanto você terá que pagar em cada parcela, estabelecer a...

Empréstimo Pessoal Empréstimo Pessoal
Dinheiro7 meses ago

Empréstimo Pessoal

O empréstimo pessoal sempre é uma solução buscada em momentos de grande sufoco e apesar de ser uma alternativa muito...

Dinheiro7 meses ago

Como Juntar Dinheiro

Muitas vezes nossos sonhos demandam de certa quantia de dinheiro para serem realizados. No entanto, juntar esse valor parece ser...

O que fazer para Ganhar Dinheiro O que fazer para Ganhar Dinheiro
Dinheiro7 meses ago

O que fazer para Ganhar Dinheiro

Nem sempre a renda fixa do trabalho é o suficiente para alcançar objetivos financeiros. Por isso, muitas pessoas buscam uma...

Propaganda Wibox

Tendências