Ideias de Negócios

Como montar uma fábrica de canudos de plástico

 

 

 

By  | 10/11/2017

Ganhe muito dinheiro fabricando canudos (canudinho) plástico para refrigerantes, sucos, etc. Saiba como montar uma fábrica de canudos de plástico com pouco dinheiro e sem cometer erros, aprenda tudo, investimento, localização, equipamentos, fornecedores, mercado, concorrência, riscos, legislação, captação de cliente, financiamento, mão de obra especializada, atendimento e muito mais…

FICHA TÉCNICA
Setor da economia: Indústria
Ramo de atividade: Plásticos e seus processos de conformação
Tipo de Negócio: Fabricação de canudos (canudinho) plástico para refrigerantes, sucos, etc..

Mercado de canudos plásticos

Num país de clima predominantemente tropical onde o consumo de refrigerantes, sucos é grande, identifica-se a utilidade do canudinho com freqüência. Bares, restaurantes, lanchonetes, sorveterias: em qualquer um deles lá está o útil e muitas vezes indispensável canudinho, já que pode significar a alternativa mais higiênica para consumo da bebida preferida.

Quem deseja fabricar esse produto deve estar sempre atento aos potenciais compradores, procurar se adequar às tendências mundiais, novos modelos, cores, etc.

Processo de fabricação da canudos plásticos

O processo de fabricação de canudinhos exige a orientação de profissional que detenha o conhecimento na área de plásticos. Sua presença é questão imprescindível para que seja alcançada um produto com qualidade, garantindo assim sua consolidação no mercado.

Os canudinhos são fabricados através de um processo semelhante ao da fabricação de tubos em geral, que é o processo de extrusão – a característica principal deste processo é a da passagem forçada de um metal ou plástico através de um orifício a fim de se obter uma forma alongada ou filamentosa.

Desenvolvido com o objetivo de converter qualquer material termoplástico em objetos de forma definida, o processo de extrusão é um processo extremamente versátil que viabiliza a produção de uma infinidade de itens como por exemplo, mangueiras, filmes, folhas, chapas, fibras perfilados, revestimento de papel ou outros substratos e a re-cobertura de condutores e cabos elétricos.

Máquinas de extrusão podem ser adaptadas para produzir garrafas e outros objetos vazados utilizando-se o método de sopro, que é uma variação do processo fundamental de moldagem por extrusão (e por injeção). A sequência básica do processo de um termoplástico em máquina de extrusão é a que segue:

  1. Fluidificação da matéria-prima, em geral em forma granular (contendo ou não apenas polímero ou polímero mais aditivos, e etc);
  2. Vazão controlada do produto fluidificado através de uma matriz que o molda na forma desejada;
  3. Solidificação do produto com o tamanho e as formas finais;
  4. Enrolamento ou cortes finais;
VOCÊ VIU?  Montar uma central de Vacinas gastando pouco

As fases 1 e 2 são realizadas realmente na máquina de extrusão, enquanto que as fases 3 e 4 podem ser chamadas de acabamento e se realizam em equipamento auxiliar.

Equipamentos

A máquina de extrusão em si consiste fundamentalmente num parafuso de Arquimedes, que roda dentro de um cilindro aquecido em relação ao qual mantém uma folga muito pequena. Os grânulos de material termoplástico são alimentados através de um funil na sua extremidade e levados adiante, ao longo do cilindro, pela ação de rotação do parafuso.

Assim que os grânulos se movem ao longo da distância que separa a alimentação da matriz, eles vão gradualmente sendo fluidificados em contato com as paredes aquecidas do cilindro e pela geração de calor de atrito da massa viscosa. A ação final do parafuso é forçar o polímero fundido através da matriz que determina de maneira aproximada a forma final do produto.

Este processo aparentemente simples é, de fato, muito mais complicado do que se pensa , e para obter os melhores resultados é necessário até projetar a máquina adequada dentre as existentes no mercado.

Extrusão de tubos

A matriz usada para a extrusão de tubos consiste de um corpo de matriz com uma matriz circular (mandril) e um anel externo que controla as dimensões dos diâmetros internos e externos respectivamente. O mandril é ajustado no corpo por uma peça de 3 a 4 abas chamada, spider (ou torpedo), enquanto o anel externo da matriz é mantido em posição por 4 parafusos de ajustagem que permitem sua centragem durante a montagem e durante a extrusão.

Geralmente existe, num dos tubos do torpedo, um orifício para a passagem de ar que se liga a um orifício central no mandril. Fechando a extremidade inicial do tubo formado na extrusão com um plugue, a peça pode ser mantida em pressão da forma desejada por meio de ar comprimido que sai do torpedo e do centro do mandril.

VOCÊ VIU?  Ganhe dinheiro com diagramação de Revistas

Após o tubo ter deixado a matriz, o procedimento consiste em calibração, resfriamento e retirada do tubo. A passagem da massa em fusão através da matriz já causa uma certa orientação molecular no polímero. A perda de orientação após deixar a matriz causa o inchamento do material.
Ligado à matriz, existe um tubo com camisa de água que tem um diâmetro interno igual ao diâmetro externo do tubo acabado.

A pressão interna mantida no tubo provoca uma pequena contração na circunferência. Faz-se então o contato com a superfície interna resfriada do calibrador de camisa de água.

A superfície externa é resfriada de forma que possa manter o seu tamanho enquanto estiver passando no banho de resfriamento.

No caso de extrusão de tubos coloridos, ou seja no seu sentido longitudinal, aparecerem outras cores como por exemplo, um tubo amarelo com raias azuis, que é o processo de co-extrusão , só que na co-extrusão cada material é plastificado numa extrusora específica.

Cada extrusora homogeniza e plastifica o seu material em condições individuais de trabalho e o introduz no único cabeçote que receberá também todos os outros materiais. Estes sairão juntos da matriz em camadas de cores separadas no seu sentido longitudinal.

Matéria prima

A fabricação de canudinhos e similares demanda utilização dos seguintes produtos: EVOH Copolímero etileno vinil álcool, PVC Policloreto de vinilideno, PAN Poliacrilonitrila, PP Polipropileno *, PE Polietileno* ( de alta e de baixa densidade ).
*Estes são os mais utilizados.

Registro Especial para abrir sua fábrica de canudos plásticos

O exercício deste tipo de atividade exige uma autorização especial da Secretaria Estadual para Assuntos de Meio Ambiente – SEAMA, denominada Licença Ambiental.

VOCÊ VIU?  Como montar uma empresa de Encadernação de Livros

Instituição:

ABIPLAST: http://www.abiplast.org.br

 

Referências:
SebraeIBGEDIEESEIPTInstituto DatafolhaInstituto IBOPEWikipédia, Jornal EstadãoJornal Folha de S.PauloJornal O Globo, Revista Exame, Revista Veja, MAPA, MCTI, MDA, MDIC, MMA, MME, MTE.

Artigos Relacionados: canudinho plastico, fabricante canudo plastico, canudo plastico rigido, canudos plasticos descartaveis, canudo de plastico duro, canudos de plastico preço, ncm canudo plástico, canudos plásticos descartáveis, fábrica de canudos plásticos, canudos bicão, canudos bicão, canudos de plástico duro, canudos de plástico preço .

Copyright © Emprega Brasil – É proibido a reprodução, total ou parcial, do conteúdo sem prévia autorização.

Receba vagas e artigos no email. É grátis!

Emprega Brasil

Emprega Brasil, site de empregos, trabalho e renda.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *