Empregos

Representação Comercial

 

 

 

By  | 11/11/2017

A Representação comercial é uma das melhores táticas utilizadas por empresas dos mais diversos segmentos para aumentar mercado e pontos de venda, para assim, ganhar ainda mais clientes. O representante comercial é o profissional que presta serviços para empresas, apresentando o produto para os possíveis parceiros comerciais. Veja a seguir tudo que sempre quis saber sobre o assunto:

 

Contrato de Representação Comercial

 

O Contrato de representação comercial é o documento que relaciona o profissional autônomo ou sua empresa de representação a uma empresa. As cláusulas podem mudar de acordo com cada situação, mas geralmente indicam quais as metas a serem alcançadas, valores de comissão para vendas e qual das partes deve pagar pelos custos fixos.

 

O documento deve seguir as legislações vigentes e indicar a data de início do trabalho, possível data de término ou condições que podem levar a quebra de contrato por qualquer uma das partes. Com o contrato de representação comercial, tanto a empresa quanto o profissional ficam protegidos por lei para garantirem seus direitos e ao mesmo tempo obrigados a cumprirem suas obrigações. Nenhum trabalho de representação comercial deve começar sem a confecção e assinatura de ambas as partes.

 

Empresa de Representação Comercial

 

Para ser representante comercial não é necessário abrir uma empresa e o profissional poderá atuar como autônomo sem problemas. Porém abrir uma empresa de representação comercial pode trazer mais credibilidade para os clientes, além de garantir outras vantagens.

 

A empresa não pode ser aberta no regime de Microempreendedor Individual (MEI), já que segundo legislação vigente o profissional autônomo que atua como representante comercial deverá ser registrado no Conselho Regional de Representação Comercial.

 

Como abrir uma empresa de representação comercial

 

VOCÊ VIU?  Como montar representação comercial de produtos de informática

Portanto, para que a empresa de representação comercial seja aberta, é preciso buscar a junta comercial da cidade para a obtenção do CNPJ, fazer o registro no CORE e inscrever a nova empresa na Receita Federal para o recolhimento de impostos. Além disso, é preciso também pagar anuidades para o Conselho Regional dos representantes comerciais CORE.

 

Mas neste momento, todo cuidado é pouco. Antes de sair abrindo uma empresa de representação comercial, estude todas as possibilidades e planeje. É importante levar em consideração a quantidade de clientes, o tipo de cliente atendido, qual será o lucro presumido e quais todas as opções possíveis para conseguir o melhor possível, que é uma relação saudável com os clientes e parceiros e ao mesmo tempo o recolhimento de impostos e do INSS para garantir uma aposentadoria no futuro.

 

Representação comercial simples nacional

 

Atualmente, depois que foi sancionada uma lei complementar estabelecendo a universalização do simples nacional, ficou mais fácil abrir uma empresa de representação comercial utilizando esta modalidade.

 

Mas nem sempre esta opção é vantajosa. O empresário deverá levar em conta os valores das alíquotas dos impostos para verificar qual é a melhor opção no seu caso, já que tudo vai depender do lucro líquido recebido mensalmente pela empresa. Em alguns casos, ao abrir a empresa de representação comercial utilizando o simples, diminui drasticamente os ganhos, sendo a melhor opção buscar por outras formas.

VOCÊ VIU?  Quando é hora de considerar a mudança de profissão?

Receba vagas e artigos no email. É grátis!

Emprega Brasil

Emprega Brasil, site de empregos, trabalho e renda.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *